quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

Aprendizagem Criativa e Eficiente

    Aprendizagem  Criativa

1-O que é Criatividade

-Para que a criatividade aconteça é preciso que ocorra uma característica importante a novidade

-Essa novidade pode referir-se tanto à  pessoa que cria, quanto ao conhecimento existente naquele momento.
Exemplo:uma criança,brincando com uma caixa de fósforos ou botando a mão no fogo,descobre por si mesma que o fogo queima,está descobrindo algo de novo para ela,embora para os adultos isso seja novidade.

-O pensamento criador caracteriza-se por ser exploratório,por aventurar-se,por buscar o desconhecido,o risco,a incerteza. Já o pensamento não criador é mais cauteloso,mais metódico,mais organizado,mais conservador.

2-Segundo o autor a criatividade tem  5 fases:

Primeira Apreensão: O momento criativo só acontece depois de longa preparação.Você está enganado se  pensar  que o cientista ou artista criam facilmente,de um momento para outro.O ato criador é resultado de muito trabalho,de muito esforço.

Preparação: De uma simples idéia até a realização final do conto ou romance,há muito a fazer. A preparação  consiste num trabalho sistemático de coleta de informações relacionadas à idéia original.

Incubação: É um trabalho inconsciente. A incubação consiste naquela fase que a pessoa deixa de lado as  informações colhidas, dedica-se as outras atividades,parece esquecer seu trabalho.

Iluminação: É o momento culminante do processo criativo,quando,subtamente,aparece a solução do problema: Newton,depois de muitos anos de trabalho,descobriu a lei da gravidade em seu jardim,ao ver uma maça cair da macieira.

Verificação: Esta é a ultima fase: o criador tenta dar forma final à inspiração que teve. Essa etapa pode durar anos.

3-Obstáculos à criatividade na escola

-Pré-escola: a diminuição do tempo reservado ao brinquedo e à imaginação prejudica o desenvolvimento da criatividade. A fantasia é um fator importante de desenvolvimento da criança e devem ser estimulada e não reprimida.

-Primeiro grau: os obstáculos à criatividade são a disciplina e a ordem exageradas,em prejuízo da iniciativa individual e da espontaneidade, o excesso de importância atribuída à distinção entre os  sexos,etc.

-Segundo grau: a valorização das profissões convencionais, um prejuízo das profissões artisticas,e o excesso de exigências formais na apresentação dos trabalhos,são alguns  dos fatores que prejudicam a criatividade.

-Faculdade: enfatiza-se a aquisição de conhecimentos já acumulados,a obrigatoriedade de leituras,cúrriculos rigorosos,etc, em detrimento da criatividade.

4-Educação Criativa

Originalidade:
-O professor pode estimular cada aluno a ter e manifestar ideias originais,ideias diferentes das produzidas pelos colegas.
-O professor deve valorizar o trabalho do aluno

Inventividade:
-O professor pode estimular os alunos a expressarem o maior número possível de ideias,propondo questões e problemas reais para serem resolvidos: como arrumar a sala de aula? Como pintar as paredes? Como organizar um trabalho? Como avaliar o trabalho dos alunos? Como organizar uma festa?um passeio?
-Outro meio de incentivar a inventividade consiste em levar em consideração todas as ideias dos alunos,por mais  fantasiosas que sejam.

Curiosidade e Pesquisa:
-Aguçar a curiosidade,intrigar-se com aquilo que os outros aceitam como indiscutível.pensar em alternativas para o que esta acontecendo, são outras formas de estimular a criatividade,ao invez de transmitir informações, o professor pode indicar pistas para que o aluno procure as respostas.

Auto direção
-Ter iniciativa é fundamental  para a aprendizagem criativa

Percepção Sensorial
-A capacidade de sentir,de perceber as coisas que acontecem em casa, na escola,na comunidade e no mundo,é outra característica que favorece a criatividade.


Aprendizagem eficiente

1-Prontidão para aprender

A prontidão compreende três fatores básicos: a maturação orgânica,a experiência anterior e o grau de motivação.

Maturação compreende aspectos de natureza física,ligados ao desenvolvimento do organismo. Não adianta  querer ensinar alguma coisa à criança antes da hora: cada criança tem  sua própria hora de aprender a andar,a falar,a ler,etc.

Experiência anterior

a) Experiência especifica na materia. A criança que não tem experiência em associar objetos a símbolos,pode não estar preparados para aprender a ler,mesmo que tenha maturidade física e motivação para tal.Essa experiência diz respeito à sequência lógica da aprendizagem: adição antes da multiplicação,subtração antes da divisão,o fácil antes do difícil,o avanço passo a passo,etc.

b) Experiência geral na aprendizagem. Hábitos adquiridos na aprendizagem,como concentração e práticas de estudo,compõem essa experiência geral. Quanto mais experiências  de apreender a pessoa tiver,tanto mais facilmente ela enfrentará novas situações de apredizagem.

c) Experiência ativa. Na escola,muitas vezes,o aluno não aprende por causa de experiências afetivas desagradáveis em relação a uma certa matéria: o professor mostrou-se agressivo e autoritário,os colegas riram dele  quando errou.

Motivação

-Se o aluno não quer aprender,não adianta ele estar amadurecido e ter experiências anteriores favoráveis:a motivação é básica para aprendizagem

2-Atitude Ativa

Querer aprender e dedicar-se à aprendizagem de forma ativa e agressiva aumenta e muito o rendimento da aprendizagem. Uma atitude passiva e indiferente é prejudicial: quando o aprendiz demora para  iniciar o processo de aprendizagem e, quando inicia,dedica-se a ele muito interesse, seus resultados serão poucos  satisfatórios.

3-Sentido da aprendizagem

Em relação ao sentido da aprendizagem,podem ser considerados três aspectos mais importantes: a possibilidade de associações,a forma ou organização do material a ser aprendido e a utilidade da aprendizagem.

4-Repetições espaçadas

Pesquisas sobre aprendizagem e a retenção do material aprendido mostram que as repetições espaçadas,em diferentes períodos de tempo,são mais eficientes do que repetições intensas num mesmo período.

5-Conhecimento do Progresso

O conhecimento dos resultados alcançados é um fator importante para a eficiência da aprendizagem.

6-Ensino para a prática

O ensino aprendizagem será mais eficiente se a situação de aprendizagem for semelhante à situação em que será aplicado o que se aprendeu.

Nenhum comentário:

Postar um comentário